Ortopedia
0

Ombro doloroso e a Terapia por Ondas de Choque

Existem várias formas de expressar uma das principais queixas que levam pacientes a consultarem ortopedistas: a dor no ombro. Tendinite, bursite, síndrome do impacto, síndrome do manguito rotador, síndrome do ombro doloroso, etc. Todas essas terminologias estão envolvidas nessa síndrome que é o ombro doloroso. O ombro é a articulação mais móvel do corpo humano. […]

Existem várias formas de expressar uma das principais queixas que levam pacientes a consultarem ortopedistas: a dor no ombro. Tendinite, bursite, síndrome do impacto, síndrome do manguito rotador, síndrome do ombro doloroso, etc. Todas essas terminologias estão envolvidas nessa síndrome que é o ombro doloroso.

O ombro é a articulação mais móvel do corpo humano. O manguito rotador no ombro é formado por quatro tendões. Esses tendões dão ao ombro uma ampla gama de movimentos e mantém a articulação estável. Na grande maioria das vezes, as lesões desse grupo de tendões ocorre devido as seguintes formas:

• Processo degenerativo (envelhecimento)

• Movimentos constantes e repetitivos (esportes, trabalho, lesão por esforços  repetitivos)

• Lesões traumáticas (quedas e acidentes).

Diagnóstico: o diagnóstico clínico, ou seja,  realizado através da anamnese (conversa com o médico) e exame  físico (ato de examinar o paciente) geralmente norteia o ortopedista sobre a necessidade ou não de  solicitar um exame de imagem.

Os exames geralmente solicitados são o Raio X, a Ultrassonografia(ecografia) e a Ressonância Nuclear Magnética.

TRATAMENTOS:

• Inicialmente, visamos controlar a dor. Para isso, a prescriçãode analgésicos e antinflamatórios está indicada. Em casos de dor forte, intensa, utilizamos opióides. Os corticosteróides são uma opção viável, tanto para uso sistêmico (via oral, intra-muscular e endovenosa) ou direto no local (infiltração intra-articular).

• Fisioterapia: afim de conferir ação analgésica e antinflamatória, o fisioterapeuta utiliza técnicas de cinesio, termo, eletro e hidroterapia.

• Acupuntura: benéfico para o controle da dor.

• Terapia por Ondas de Choque (TOC): em casos refratários aos tratamentos convencionais, TOC tem demonstrado excelentes resultados.

• O tratamento cirúrgico está indicado em casos refratários ao tratamento conservador. SOBRE T.O.C E AS DOENÇAS DO OMBRO:

Trata-se de uma moderna técnica que vem sendo utilizada com sucesso no tratamento das doenças do ombro de difícil tratamento, tais como tendinite calcárea, tendinites e bursites crônicas, etc.

A ação da TOC ocorre pela fragmentação de depósitos calcários nos tendões, efeito de neovascularização (formação de novos vasos, maior suprimento de sangue e nutrientes aos tecidos doentes), liberação de enzimas e mediadores químicos que resultam no controle da dor e consequentemente melhora da função do ombro.

Atenção, nunca presuma diagnósticos sem antes consultar um médico. Evite realizar tratamentos sem antes consultar um ortopedista. Em caso de dúvidas, estamos à disposição para atendê-lo em um de nossos endereços expostos no site. Se necessário agende uma consulta.

 

Compartilhar:
  • googleplus
  • linkedin
  • tumblr
  • rss
  • pinterest
  • mail

Escrito por mais materia

There are 0 comments

Leave a comment

Want to express your opinion?
Leave a reply!