• (51) 3041.2333

Procurar
Geral
0

Diagnóstico de carcinoma: de dois anos para alguns dias

Um projeto do Rotary Club Cachoeirinha reduziu em cerca de dois anos o diagnóstico de suspeitas de câncer de mama. Quem fazia a mamografia e tinha algum tipo de alteração chegava a ficar dois anos em uma fila de espera do estado para ter o diagnóstico completo. Quando o Rotary Club Cachoeirinha soube dessa necessidade […]

Diagnóstico de carcinoma: de dois anos para alguns dias

Um projeto do Rotary Club Cachoeirinha reduziu em cerca de dois anos o diagnóstico de suspeitas de câncer de mama. Quem fazia a mamografia e tinha algum tipo de alteração chegava a ficar dois anos em uma fila de espera do estado para ter o diagnóstico completo. Quando o Rotary Club Cachoeirinha soube dessa necessidade imediatamente iniciou um projeto para mudar essa realidade. Uma pistola para realização da biopsia no próprio município e agulhas foram as primeiras aquisições. Para que o resultado fosse completo também era preciso pagar a análise do material coletado, por isso, uma parceria com o Hospital Mãe de Deus. O custo inicial do projeto foi de cerca de R$ 6 mil. Também foram comprados equipamentos para a sala onde acontecem os exames na unidade de saúde como maca, biombos e escadinha, com um investimento de mais R$ 2 mil.

No dia 4 de julho aconteceu uma solenidade de renovação do projeto com o anúncio da compra de mais 60 diagnósticos e agulhas, com a presença prefeito Miki Breier, a primeira dama Vanessa Moraes, o secretário de saúde, Paulo Abraão, os rotarianos Vitor Rahde, Cledi Vieira, Roselaine Vinciprova e a presidente do RC Cachoeirinha, Vera Maria Kittel, dentre outras autoridades e as mulheres do Comitê Viva Mulher. Dos 50 diagnósticos realizados no último ano, 20% deles foi detectado carcinoma. O dado mais impressionante do projeto é que antes da compra dos equipamentos e dos laudos o prazo para chegar a essa detecção era de cerca de dois anos. Com isso, aumentam imensamente as chances de cura.

Compartilhar:
  • googleplus
  • linkedin
  • tumblr
  • rss
  • pinterest
  • mail

Escrito por trcom

There are 0 comments

Leave a comment

Want to express your opinion?
Leave a reply!