• (51) 3041.2333

Procurar
Política
0

Cofameg é homenageada pela Câmara de Gravataí

A Câmara de Vereadores de Gravataí homenageou a Cofameg em sessão solene realizada na tarde de 24 de agosto. O evento faz parte da Semana Municipal da Pessoa com Deficiência e da Acessibilidade. A Cofameg (Centro Ocupacional de Familiares e Amigos dos Deficientes Mentais de Gravataí) atende jovens com deficiência intelectual e mental. A entidade, […]

Cofameg é homenageada pela Câmara de Gravataí

A Câmara de Vereadores de Gravataí homenageou a Cofameg em sessão solene realizada na tarde de 24 de agosto. O evento faz parte da Semana Municipal da Pessoa com Deficiência e da Acessibilidade. A Cofameg (Centro Ocupacional de Familiares e Amigos dos Deficientes Mentais de Gravataí) atende jovens com deficiência intelectual e mental. A entidade, fundada em 1999, é uma organização não-governamental sem fins lucrativos. “Que a gente possa sempre batalhar e fazer algo para tornar melhor a vida das pessoas”, disse o presidente da Cofameg, Adão Orion Costa. Ele afirmou que há projetos em elaboração para ampliar o atendimento e passar a beneficiar também crianças e adolescentes carentes.

Adão lembrou que a Câmara aprovou por unanimidade a doação de um terreno da Prefeitura para a nova sede da entidade. Em relação à sessão solene, disse que “a gente agradece muito esta homenagem”. Ele recebeu uma placa comemorativa dos vereadores gravataienses.“Muito me alegra estar aqui hoje homenageando a Cofameg”, afirmou Patricia Lisboa, que é deficiente visual. Ela agradeceu pela oportunidade de integração entre as pessoas com deficiência e o Legislativo. “É daqui que saem as leis que vão produzir a acessibilidade que nós precisamos”, disse. “Precisamos de leis que contemplem a todos, que sejam pensadas para todos. É muito simples incluir as pessoas com deficiência e as demais pessoas da nossa cidade”, finalizou.

Protagonistas

Ainda durante o dia 24 de agosto, o legislativo gravataiense realizou uma sessão especial, em que 21 pessoas com deficiência substituíram os vereadores. A sessão fez parte da Semana Municipal da Pessoa com Deficiência e da Acessibilidade, e foi instituído pela lei nº 3690/2015.

Patricia Lisboa reivindicou que os vereadores “tenham consideração com a acessibilidade” em seu trabalho legislativo. André Luís Torquato afirmou que “nosso sistema de transporte municipal é precário”, e que “todos e todas precisam ter como ir e vir com segurança e conforto”.

Os 21 vereadores por um dia foram indicados pelo Conselho Municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência. A sessão contou com audiodescrição e tradução e interpretação de Libras. Ao final, o Coral do Projeto Musicando da Apae Gravataí fez uma apresentação musical.

Compartilhar:
  • googleplus
  • linkedin
  • tumblr
  • rss
  • pinterest
  • mail

Escrito por trcom

There are 0 comments

Leave a comment

Want to express your opinion?
Leave a reply!