banner 1280x156-01
banner 1280x156-01
banner-site_iort
Banner Revista Mais Matéria 970x904195570
banner-site_mdbertollo
banner-site_iort
banner 1280x156-01
banner-site_iort
banner-site_confmark
banner-site_confmark

Pesquisa
0

Café protege contra rosácea

A rosácea é uma alteração inflamatória da pele, cuja principal característica é deixar a face mais avermelhada – daí porque costuma abalar a qualidade de vida de seus portadores. Embora as causas ainda não sejam conhecidas, alguns fatores despontam como potencialmente protetores. Cientistas da Universidade Brown, nos Estados Unidos, analisaram informações sobre 82 737 mulheres. […]

Café protege contra rosácea

A rosácea é uma alteração inflamatória da pele, cuja principal característica é deixar a face mais avermelhada – daí porque costuma abalar a qualidade de vida de seus portadores. Embora as causas ainda não sejam conhecidas, alguns fatores despontam como potencialmente protetores.

Cientistas da Universidade Brown, nos Estados Unidos, analisaram informações sobre 82 737 mulheres. Elas relataram, entre outras coisas, como era seu consumo de café. Isso aconteceu a cada quatro anos, de 1991 a 2005. No período, 4 945 casos de rosácea foram diagnosticados.

Traçando uma relação entre um ponto e outro – e excluindo demais fatores de risco para a doença –, os pesquisadores descobriram uma associação entre a ingestão da bebida e a prevenção do problema de pele. Isto é: quem tomava mais café estava mais protegida contra o surgimento da vermelhidão na face.

Para ter ideia, as maiores fãs de café – aquelas que bebiam cerca de quatro xícaras ou mais ao dia – apresentavam uma probabilidade 23% menor de encarar a rosácea em comparação àquelas que só degustavam um cafezinho (ou menos) por mês. Há suspeitas de que a substância mais conhecida do café poderia auxiliar na redução da inflamação ligada à rosácea, além de participar da modulação de hormônios, algo que tem sido relacionado à condição.

Compartilhar:
  • googleplus
  • linkedin
  • tumblr
  • rss
  • pinterest
  • mail

Escrito por trcom

There are 0 comments

Leave a comment

Want to express your opinion?
Leave a reply!