• (51) 3041.2333

Procurar
Entrevista
0

A união faz a força

O 2º Núcleo das Mulheres Empreendedoras da Associação Comercial de Cachoeirinha completa três anos demonstrando que a união pode ser um diferencial estratégico para quem quer o aperfeiçoamento profissional e pessoal. Atualmente formado por 25 empreendedoras, as ações do grupo estão centradas em network, capacitações periódicas, envolvimento das empresas em eventos e responsabilidade social. O […]

A união faz a força

O 2º Núcleo das Mulheres Empreendedoras da Associação Comercial de Cachoeirinha completa três anos demonstrando que a união pode ser um diferencial estratégico para quem quer o aperfeiçoamento profissional e pessoal. Atualmente formado por 25 empreendedoras, as ações do grupo estão centradas em network, capacitações periódicas, envolvimento das empresas em eventos e responsabilidade social. O associativismo surge como uma ferramenta importante já que é possível, além de conhecer a realidade de outras empresas, encontrar pontos em comum em busca da melhor solução, possibilitando o crescimento e o desenvolvimento. A união das empresas também oportuniza que participem como força viva, já que juntas geram empregos e são responsáveis pelo desenvolvimento da cidade e região.

Para o presidente da Associação Comercial de Cachoeirinha, Cleber Soares da Silva, a formação dos Núcleos Empresariais, representa a essência do papel da entidade no fortalecimento das empresas do município. “Possibilitamos o crescimento real de cada um dos participantes que buscam juntos a consolidação das suas empresas e, consequentemente, a construção de uma cidade mais forte”, revela Cleber. A diversidade dos negócios do Núcleo garante, que durante os encontros semanais ou em eventos, os nucleados identifiquem, discutam e planejem ações para resolverem seus desafios. Conforme a moderadora do 2º Núcleo de Mulheres da ACC, Karine Braun, todas as ações são planejadas para potencializar a conquista de resultados como pessoas e também para as empresas. “Dentre as ações destacamos o evento realizado anualmente #façoparte para celebrar o Dia do Trabalho. Reunimos todas as nucleadas e seus colaboradores numa grande construção do cooperativismo”, afirma Karine.

Conforme as integrantes do Núcleo, uma das conquistas é pensar a realidade dos setores de forma mais organizada, buscando comportamentos adequados para os desafios atuais e futuros. “Como cada nucleada vê o seu negócio de um jeito diferente, conseguimos conhecer problemas com mais rapidez e eficiência, planejando e identificando novas oportunidades”, conta a atual Coordenadora do Núcleo, Graziela Corrêa. As empresas participantes ganham aumento da competitividade, além de intercâmbio de informações, possibilitando o aumento do faturamento e a geração de emprego.

As ações são planejadas em conjunto, quando cada participante ajuda na identificação dos problemas, apontam as necessidades e os objetivos, trocam informações e experiências. Também decidem pelos treinamentos e consultorias, negociam com fornecedores e buscam soluções em conjunto. Um dos objetivos dos Núcleos também é fortalecer o desenvolvimento de lideranças empresarias para que sejam agentes de representação da sociedade junto ao Poder Público e as entidades.

Recentemente o Grupo – em parceria com outros Núcleos – fez uma visita técnica a Associação das Micro e Pequenas Empresas do RS (Microempa), em Caxias do Sul para colher mais conhecimento e aprendizado. A microempa reúne atualmente cerca de dois mil associados e foca seu trabalho nos Grupos Setoriais, atualmente são mais de 10. Esse tipo de experiência possibilita presenciar iniciativas que dão certo e demonstram que toda a região ganha quando as empresas estão fortalecidas.

Ao completar seu terceiro ano, o 2º Núcleo de Mulheres Empreendedoras da ACC reafirma seu compromisso em, através da união, possibilitar a evolução pessoal, de cada uma das participantes, propiciar a inserção e o crescimento de suas empresas e ajudar a transformar a realidade de toda a cidade.

capa correta 2-ok

Objetivos do Núcleo:

– Combater o isolamento das Micros e Pequenas Empresas;
– Promover o associativismo;
– Promover o desenvolvimento da empresa, do setor e da economia;
– Expandir o quadro de associados;
– Aprendizagem permanente.

Compartilhar:
  • googleplus
  • linkedin
  • tumblr
  • rss
  • pinterest
  • mail

Escrito por trcom

There are 0 comments

Leave a comment

Want to express your opinion?
Leave a reply!